Início Comics e Livros MAIS FORTE QUE A ESPADA, de Hiroshi Hirata, entra em pré-venda

MAIS FORTE QUE A ESPADA, de Hiroshi Hirata, entra em pré-venda

Mais uma consagrada série, baseada em fatos históricos, do maior mestre dos mangás de samurai ambientados no passado do Japão

por KzArashi
0 comentário

No violento período Sengoku, do Japão Feudal. Há quem busque algo, MAIS FORTE QUE A ESPADA!

Mais uma das consagradas séries, de Hiroshi Hirata, baseadas em fatos históricos.
Em Mais Forte que a Espada, O maior mestre dos mangás de samurai ambientados no passado do Japão, nos traz a saga de Hisa e seu filho Matataro Shimizu.
Vivendo no Período Sengoku (1467 – 1615), o mais longo período japonês de guerras civis. Os dois tentam seguir suas vidas, o tempo todo se fazendo questionamentos como:

Por que as pessoas fazem guerra? Como governar um território sem ser na base do medo?

Hisa e Matataro Shimizu, no fundo buscam encontrar aquilo que é MAIS FORTE QUE A ESPADA!

Mais Forte que a Espada: Kairiki no Haha é um clássico gekigá (mangá de temática realista), publicado originalmente no Japão de 1993 a 1996 e agora apresentado aos leitores brasileiros, pela editora Pipoca & Nanquim.

MAIS FORTE QUE A ESPADA - Vols. 1 e 2


Adquira MAIS FORTE QUE A ESPADA, de Hiroshi Hirata, pelos links da matéria ou nos botões abaixo. E aproveite também, mais algumas indicações:
                 

SINOPSE:

Em meados da década de 1540, Hisa, uma jovem criada para ser a dedicada esposa de uma família nobre, se casa com Yasuhide Shimizu (1532 – 1591), destinado a se tornar o soberano e general da província de Izu, a serviço do clã Hojo. Não tarda a comprovação de que sua nova vida não terá nada de pacata, quando a festa de casamento sofre um atentado, e que fazer parte de uma família de senhores de terra a colocará em meio a intrigas e derramamento de sangue.

A partir de então, ela se revela uma mulher de pulso firme e força física avassaladora, capaz de lutar contra adversários masculinos em pé de igualdade e até deter sozinha um boi enfurecido.
Contudo, força bruta e violência não são a resposta para tudo, e Hisa vai aprender a duras penas como apoiar ou contestar seu companheiro — que carrega o peso de ter que atender ao chamado de seu superior para a guerra—, além de lidar não apenas com a criação de seus filhos, como também com a segurança e bem-estar dos habitantes de seu território, que se encontram sob sua responsabilidade enquanto Yasuhide se ausenta para batalhar.

 

DETALHES DA EDIÇÃO NACIONAL DE MAIS FORTE QUE A ESPADA:

  • – Coleção fechada de dois volumes
  • – Sobrecapa com verniz localizado
  • – Papel polén de alta gramatura
  • – Miolo colado e costurado para o melhor manuseio na leitura
  • – Marcadores de páginas exclusivos
  • – 356 páginas, cada volume
  • – Dimensões: ‎ 22 x 15.5 x 5 cm

 

 

SOBRE O AUTOR:

  • Considerado uma lenda no Japão, Hiroshi Hirata nasceu em 1937 no distrito de Itabashi, em Tóquio.
    A carreira como desenhista teve início aos 21 anos, quando, após um encontro casual com um amigo dos tempos do ensino médio, por motivos financeiros, Hirata se interessou pelos mangás e elaborou uma história de dezesseis páginas em apenas uma noite (Aizou Hissatsuken; “A Espada Mortal do Amor e do Ódio”, em tradução livre). Esse foi seu primeiro trabalho, que ele imediatamente conseguiu publicar, em 1958.


    Seu estilo revela traços audaciosos e um grande conhecimento histórico de sua terra natal. Não por acaso, foram os gekigás, dramas com temática adulta e realista, que construíram sua trajetória.
    As tramas do autor costumam ser focadas nos menos favorecidos, que confrontam os interesses dos ricos e daqueles que detêm o poder. Além de Satsuma Gishiden: Crônicas dos Leais Guerreiros de Satsuma, publicado originalmente de 1979 a 1982 e tido como seu principal trabalho,

    Hirata também é conhecido por diversas outras obras de samurai, como o Preço da Desonra: Kubidai Hikiukenin, feita de 1971 a 1973 e publicada no Brasil em 2019 pela editora Pipoca & Nanquim, e pela criação da caligrafia do título do mangá Akira, de Katsuhiro Otomo.

    Calígrafo renomado, apaixonado pela esposa e vidrado em eletrônicos de todos os tipos, Hiroshi Hirata faz parte de um seleto rol de autores cujos trabalhos se engrandecem mais e mais com a passagem do tempo.

    Hiroshi Hirata faleceu em dezembro de 2021, aos 84 anos, devido a uma insuficiência cardíaca.

Os Volumes 1 e 2, de MAIS FORTE QUE AS ESPADA, estão em pré-venda com 30% OFF
Adquira pelo: link: https://amzn.to/3r1OMi3

Você pode se interessar por:

Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Presumiremos que você está de acordo com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceito Leia Mais